Recapar um pneu é reformá-lo realizando a substituição da
borracha da banda de rodagem.
Confira no vídeo como é feito todo o processo de recapagem
do pneu.

Benefícios da recapagem

Ótimo custo-benefício:

O pneu recapado pode chegar a custar 25% de um pneu novo, reduzindo assim os custos diretos das transportadoras e profissionais autônomos.

Sustentabilidade:

Possibilita o uso do pneu por mais tempo, economizando diversos materiais, muitas vezes poluentes ou encontrados na natureza. A recapagem ajuda a evitar o desperdício permitindo maior durabilidade do pneu. Milhões de litros de derivados do petróleo são economizados neste processo.

Segurança do serviço:

Os pneus de carga recapados na Jacar seguem os padrões INMETRO. Todo pneu deve seguir uma série de etapas e inspeções rigorosas para que o produto final possa ser o mais seguro possível.

5 MITOS SOBRE A RECAPAGEM

MITO 1

A recapagem não é segura

A VERDADE: O processo de recapagem do pneu é altamente seguro e recomendável por todas as etapas que ele passa. Até grandes aviões de missão passam por esse procedimento.

MITO 2

Pneu recapado no calor prejudica

A VERDADE: Dificilmente o calor pode afetar um pneu, seja ele novo ou recapado. Geralmente esse fator está ligado a calibragem e não ao processo de recapagem.

MITO 3:

Pneu novo é melhor que pneu recapado

A VERDADE: A vida útil e a eficiência de um pneu recapado pode ser igual ou melhor que um pneu novo.

MITO 4:

Pneu recapado roda pouco

A VERDADE: Uma recapagem feita de forma excelente proporciona uma quilometragem altamente capaz. Importante que cada etapa do processo seja feita corretamente.

MITO 5:

Pneu recapado tem defeitos

A VERDADE: Quando o acabamento é feito com qualidade, como na Jacar, não há diferenças no exterior do pneu novo e recapado. Sobre a carcaça, mesmo que a banda de rodagem esteja desgastada não significa que a carcaça está também. Uma carcaça de qualidade tem uma vida útil que pode ir além da banda de rodagem original.